Blog / News Fique por dentro das Novidades no Brasil e no Mundo

Governo quer privatizar pátios do Detran

0 Comentários
288
14 Out 2015

 

O governo encaminhou ontem à Assembleia Legislativa projeto que prevê a concessão à iniciativa privada dos serviços de remoção, guarda e vistoria de veículos apreendidos no Estado. A justificativa é de que a operação dessas atividades consome grandes recursos financeiros e humanos que poderiam ser melhor utilizados em outras áreas. E que além disso, acabam resultando em serviços ineficazes à população.

 

De acordo com o governo, existem hoje no Paraná cerca de 53 mil veículos apreendidos em 542 pátios do Detran, Polícia Militar, Polícia Civil e DER, que ocupam um espaço de 38 hectares. Muitos desses terrenos, explica o Executivo, estão em áreas altamente valorizadas, o que gera um déficit financeiro para o Estado. Além disso, a guarda desses locais exige "grandes áreas de parqueamento, depósitos, funcionários qualificados, vigias e cuidadores de veículos, sistemas de segurança".

 

Na justificativa do projeto, o Estado anexou pareceres das polícias militar, civil, Polícia Rodoviária e DER avalizando a proposta. Segundo a PM, a concessão à iniciativa privada desses serviços, vai desonerar "a Corporação dessa atividade, que apesar de auxiliar, compromete severamente recursos humanos e materiais", que hoje estão empregados nessas funções, "alijando assim meios da atividade de polícia ostensiva e de preservação da ordem pública".

 

A Polícia Civil, por sua vez, lembra que o projeto permitirá "desocupação dos pátios das Delegacias de Polícia, bem como de diminuição de custos com a locação de barracões".

 

A Polícia Rodoviária apontou que a guarda dos veículos hoje é feita nos pátios da corporação e do DER, "desprovidos (de) dispositivos de segurança" (?) e que por isso "é recorrente a ocorrência de furto de peça e até mesmo de veículos destes pátios, gerando novamente demandas administrativas e judiciais".

 

O DER, por sua vez, aponta que a medida proposta pelo governo é necessária "tanto pelo aspecto precário do serviço prestado, quanto pela necessidade de liberar os contingentes para a prestação de serviços de polícia ostensiva (?) atividades-fim dos serviços policiais".

 

 

O projeto prevê que o governo fará uma licitação para a concessão dos serviços, a ser promovida pelo Detran. E que o Executivo vai regulamentar a lei 120 dias após sua sanção, em caso de aprovação do Legislativo.

0.0
Última Modificação: -/-
Artigos Relacionados: Autor da emenda da maioridade penal diz que votação impôs derrota ao governo Dívida do governo federal com o Paraná já soma R$ 1,4 bilhão Governo do Paraná anuncia medidas para cortar gastos e arrecadar mais Marina Silva explica mudança no plano de governo e defende o Estado laico 'Vou privatizar a Petrobras', afirma Pastor Everaldo #BomDia: Você quer conhecer a vontade de Deus? Quer dizer que você ficou com raiva do beijo gay na novela da Globo? Juiz quer abolir juramentos sobre a bíblia 'Querem desconstruir a família nuclear' discursa Silas Malafaia em favor da família Pastor quer que frase "Deus Seja Louvado" se torne obrigatória em cédulas
Governo Detran privatização.

Ainda não há comentários...

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.